PTI implanta sistema de compartilhamento de bicicletas

PTI implanta sistema de compartilhamento de bicicletas

Estarbike01

Os colaboradores da Fundação PTI agora contam com uma nova opção de locomoção pelo Parque, trata-se do sistema de compartilhamento de bicicletas “ESTARBIKE”, inaugurado segunda-feira (01), no Edifício das Águas. O objetivo da iniciativa é propiciar uma alternativa sustentável para trajetos de curto espaço, além de promover a qualidade de vida.

O ESTARBIKE é um dos produtos da empresa Mobhis Automação Urbana, incubada no PTI desde 2013. As três estações estão disponíveis no Edifício das Águas, Bloco 10 e Restaurante Barrageiro.

Apesar da popularidade em países da Europa e da Ásia, o “Bike Sharing” ainda dá seus primeiros passos no Brasil, tornando-se restrito as grandes capitais. De acordo com Hamilton Sena, sócio-proprietário da Mobhis, o ESTARBIKE possui o diferencial de possuir toda sua tecnologia nacional, incluindo a parte eletrônica, mecânica e o software de gerenciamento dos bicicletários.

“O processo de incubação nos propiciou todo apoio para que conseguíssemos os recursos necessários para o desenvolvimento dessa tecnologia e implementação com sucesso”, destacou Sena.

Em junho deste ano, a Mobhis concluiu a instalação de um bicicletário em Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. O sistema é primeiro gratuito do interior do Estado e conta com uma média de 20 mil deslocamentos por mês. O projeto venceu um edital lançado pela Prefeitura do município e serviu como plataforma de testes para otimização do processo.

Estarbike02

Juan Carlos Sotuyo, diretor superintendente da FPTI, ressaltou a importância do empreendimento para a região “ver um produto como esse sendo consolidado mostra que estamos no caminho certo apoiando iniciativas com potencial de geração de empregos e renda”.

Como usar

Para utilizar as bicicletas o colaborador da FPTI deve preencher um formulário no endereço pti.estarbike.com.br. Após efetivado o cadastro pela internet, o usuário está habilitado a retirar a bicicleta na estação desejada. Já com a bicicleta em mãos, é possível utilizá-la durante o período de 2h seguidas. Caso queira utilizar a bicicleta por mais tempo, é preciso devolver o equipamento em uma das estações e esperar pelo menos 15 minutos para fazer nova retirada.

Recomendações

Antes de retirar a bicicleta da estação, é recomendado que o usuário certifique-se que o equipamento esteja apto para o uso, realizando uma rápida checagem dos pneus, cesta e funcionamento dos freios. Além disso, deve-se respeitar o trajeto permitido para uso das bicicletas – o limite do percurso são as dependência do Parque até o Restaurante Barrageiro – e as leis de trânsito vigentes.A utilização de equipamentos de segurança não é obrigatória, sendo de responsabilidade do usuário.

Mobhis

A Mobhis Automação Urbana trabalha com o desenvolvimento de tecnologias para automatização dos espaços urbanos. O foco da empresa está na melhoria da mobilidade urbana.Localizada na cidade de Cascavel (PR), tem seu desenvolvimento tecnológico incubado na Fundação Parque Tecnológico de Itaipu, por meio da Incubadora Santos Dumont, onde recebe apoio na definição das estratégias de inovação e modelos de negócios.

FONTE: (Parque Tecnológico Itaipu)